::

Pesquisar no Blog:

Carregando...

JESUS SEMPRE EXISTIU?

Sempre existiu. Como se lê em João, capítulo primeiro: "No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus... o Verbo se fez carne e habitou entre nós". Logo, o Verbo, JESUS, no princípio estava com Deus e era Deus. Então, Deus se fez homem e viveu como homem em nosso meio. JESUS sabia que havia saído de Deus e ia para Deus (Jo 13.3). O próprio Jesus afirmou que voltaria para o Pai e prepararia nosso lugar nos céus (Jo 14.2-4)

"Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu. O principado está sobre os seus ombros, e o seu nome será: MARAVILHOSO, CONSELHEIRO, DEUS FORTE, PAI DA ETERNIDADE, PRÍNCIPE DA PAZ". Isaías 9.6. Uma das mais objetivas afirmações sobre a eternidade de Jesus está em Isaías 9.6:

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Esboço: Deserto porque?


"E os tirei da terra do Egito e os levei au deserto" (Ez 10.20).
DESERTO-região árida coberta por areia, quase totalmente imprópria a vida. Os animais são escavadores e as plantas são adptadas, com capacidade para suportar a seca, a salinidade, calor durante odia e frio durante a noite, e o vento que sopra a areia. O Saara é o deserto do mundo.
-A Bíblia refere-se ao deserto de Berseba (Gn 21.14), Bete-Áven (Js 18.12), Damasco (1Rs 19.15), Edom (2Rs 3.8), En-Gedi (1Sm 24.1), deserto do mar Vermelho (mar de Juncos) (Ex 13.18), Gibeon (2Sm 2.24), Jeruel (2Cr 20.16), Judá/Judéia (Jz 1.16; Mt 3.1), Cades (Sl 29.8), Quedemote (Dt 2.26), Maom (1Sm 23.24), Moab (Dt 2.8), Param (Gn 21.21), Sur (Êx 15.22), Sin ( Nm 13. 21; 20.1), Sinai (Êx 19.1), Tecoa (2Cr 20.20), sin ([situado entre Elim eo Sinai] Êx 16.1) e Zif (1Sm 23.14).
Dentre as inúmeras promessas de Deus está a trasformação de áreias desérticas em áreias férteis (Is 35.1.6-7; 43.19-20; 51.3).
O Novo Testamento refere-se ao deserto como um lugar solitário. Jesus Cristo afastou-se das multidões em várias ocasiões (Lc 4.42; 9.10-12).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails